Calvin e a incoerência dos pais

Fique ligado: a incoerência prejudica sua marca pessoal!

“Faça o que eu digo, não faça o que eu faço!!!”

 

Levante a mão quem nunca escutou essa frase! Todos os dias vemos exemplos disso e no mundo digital, mais ainda! Você precisa ser cuidadoso, pois a incoerência pode ser fatal para a sua marca pessoal. Acompanhe o texto e veja como não cair nessa.

 

A empresa lança um programa de redução de custos e começa uma reforma nababesca na recepção do prédio (já sei, já sei, estava no orçamento!!!). Nós nos indignamos com a Reforma Trabalhista e esquecemos de emitir a nota fiscal do serviço que prestamos. Defendemos a liberdade de expressão, mas, se a opinião alheia é diferente da nossa, às vezes, sequer escutamos e ainda qualificamos o outro com adjetivos pouco encorajadores.

 

É… parece que somos incoerentes por natureza! Ou talvez seja mesmo muito difícil alinhar valores, princípios e condutas. Conversando com uma amiga filósofa sobre esse artigo, ela me revelou que ser coerente sempre foi seu maior desafio na vida. Imagina! Eu que me achava coerente, fiquei bem pensativa. Estaremos fadados a nos contradizer?

 

Acredito que sim. As incoerências em fatos corriqueiros fazem parte da vida de cada um de nós, porém elas têm que ser a exceção!

 

Em algumas situações, talvez até pareça que estamos sendo incoerentes. Pense que você está com aquele faca de chef na mão e seu filho de 3 anos pega uma igual. O que você faz? Grita: – larga essa faca, menino! Vai se machucar! Pois é… não deixa de ser incoerente, mas se aplica! De qualquer jeito, esta “incoerência” terá que ser muito bem explicada, porque, se não, saltará aos olhos e seu filho vai lhe cobrar!

 

Fatos assim podem passar em qualquer lugar e, se você tiver a chance de argumentar, poderá escapar da “saia justa” e sua imagem sairá intacta. Mas, e se não tiver? Talvez você fique em uma posição difícil que terá que aceitar e aprender com ela para que não aconteça outra vez. Lembre-se que talvez leve um tempo mas, se mantiver a coerência dali para a frente, aquele pequeno deslize, real ou na cabeça de outro, acabará esquecido.

 

Mas não baixe a guarda! Em tempos de redes sociais, onde nos expomos muito por meio das palavras, fique atento. Comentários são compartilhados, telas são copiadas, tudo fica registrado. Somos mais e mais observados deixando cada vez menos espaço para a incoerência. O que você pode fazer para reduzir esses acontecimentos ao mínimo? Tratar a sua marca pessoal com muito carinho!

 

Vamos ver como isso se entrelaça?

 

O poder da coerência

 

A coerência é parte da lembrança que deixamos. Aqueles que nos escutam e nos lêem notam se o que estamos dizendo está de acordo com nosso modo de ser, com o que já declaramos antes, com o que fazemos e o que alcançamos. Se tudo se encaixa, ganhamos respeito e credibilidade. Em consequência, nossa marca pessoal ganha força.

 

Olhando para trás, perceba que deixamos nossa marca em tudo e em todos, manifestando nossa essência no que fazemos, e como impactamos o mundo ao nosso redor, desde a mais tenra idade.

 

Somos uma mistura espetacular do que trouxemos ao nascer com o que aprendemos pela vida e as escolhas que fazemos a partir de desses aprendizados, a soma de nossos valores, crenças, paixões, preferências, habilidades, forças e fraquezas. E aí é que precisamos estar atentos, mantendo a coerência acima de tudo, para garantir a confiança dos demais.

 

Só podemos estar atentos se nos conhecemos bem.

 

Conhecer a fundo nossos valores, aqueles princípios que nos regem pela vida, que norteiam nossas escolhas, nossa maneira de ser, agir e reagir! Aquilo em que acreditamos e de que não abrimos mão. Ter muito claro o que nos apaixona, o que nos faz mover céus e mares para consegui-lo.

 

Quando temos consciência e agimos com intenção, nossas palavras, atitudes e conduta são coerentes entre si, ainda que, uma vez ou outra, tenhamos que “policiar” alguns atos falhos (!!!), até que os consigamos superar. É o caminho para que nos tornemos pessoas melhores!

 

Estratégia de Marca Pessoal

 

Cuidar da sua marca pessoal significa ter uma estratégia para mover-se pela vida. Parece que estou falando de negócios. No entanto, de forma simples, uma estratégia é o conjunto de ações que você tem que tomar para alcançar o que deseja. E entre essas ações, você deve considerar sempre a influência ou o impacto que tem sobre aqueles com quem convive.

 

Parentes, amigos, colegas de trabalho, chefes e até o vizinho: é com as pessoas que contamos. São elas que podem abrir ou fechar portas para nós. No mundo profissional então, é ainda mais importante que essa marca que deixamos conte a nosso favor!

 

Veja que trabalhar e progredir vem ficando mais complexo. As oportunidades diminuíram e o número de profissionais qualificados aumentou. Com a educação mais acessível, muita mais gente têm a mesma – ou mais extensa – formação que você e eu.

 

Com as redes sociais, vemos muitos profissionais que trabalham no que trabalhamos, que oferecem o que oferecemos. São tantos, e até pensamos que muitos são melhores que nós! O que fazer então para alcançar o que queremos da vida? Como “aparecer” nesse mundão? Como conquistar a confiança de possíveis recrutadores, parceiros, clientes? Com coerência, consistência e constância!

 

O que você pode fazer?

 

Sua marca pessoal tem a ver com autenticidade, com o seu verdadeiro valor. Logo, começa com o autoconhecimento. Você traz à tona o seu potencial, passa a ter claro o que é e o que pode ser. Também entende onde não é tão bom assim e o que precisa fazer para chegar mais perto do que deseja, adquirindo habilidades, criando novos hábitos, mudando atitudes.

 

Com o seu melhor em mãos, você combina suas qualidades e planos de desenvolvimento em uma estratégia que torne visível o que faz, o que pode ajudar as pessoas, o que você tem a oferecer a clientes ou empresas. Seu plano de ação trará a intenção de que você seja conhecido, reconhecido, lembrado como “a melhor opção” quando alguém tiver uma oportunidade no seu campo de atuação.

 

O resultado de todo esse trabalho é que você possa ser quem é, projetando o seu melhor, sendo admirado e ganhando a confiança alheia por isso. Consegue perceber que só acontecerá se tudo estiver em concordância?

 

A coerência é a chave para que a marca que você deixa seja memorável!


E ISSO ESTÁ EM SUAS MÃOS!!!


Sua marca pessoal é o que você tem de mais valioso, portanto desenvolvê-la, aprimorá-la não pode ficar ao acaso! 

 

Leia sobre o assunto, observe a si mesmo e aos outros, peça feedback, aplique o que aprender.  Se ainda assim, sentir que é complicado fazê-lo, ou já está fazendo e não está seguro de como está avançando, procure um especialista que lhe ajude a tomar o controle da sua vida, da sua carreira, da sua marca. Você agradecerá no futuro!

 

Quer conversar mais sobre o assunto, tem outras ideias e experiências para contar, deixe nos comentários!

 

Obrigada por ler o artigo e, se achar que ele pode ajudar a outras pessoas, por favor, curta e compartilhe em suas redes!

 

Sou Estrategista em Imagem e Marca Pessoal e posso lhe ajudar no desenvolvimento da sua carreira e na sua estratégia pessoal, contribuindo para que você seja mais feliz com sua vida e seu trabalho.

 

Se quiser saber mais, entre em contato comigo.

 

Imagem de capa: Reprodução

1 Comment
Share Post

Post a Comment